Congresso Online do Ministério Jovem

Congresso Online do Ministério Jovem
Congresso Online do Ministério Jovem

Slider

Vídeos

Notícias

Ministérios

Artigos

Formação e Espiritualidade

RCC Bahia

RCC Brasil

» » » » #EECNGO 3ª Pregação - Escuta e Discernimento

Keila Souza – Presidente da RCC Distrito Federal

Em meio ao barulho ou desatenção nossa escuta e prejudicada. Quando nosso ser não está inteiro nossa escuta fica prejudicada. Nós somos chamados a escutar com atenção aquilo que Deus nos quer falar para que não deixemos a graça passar.

Não se tem discernimento quando não se conhece. Conhecendo a Deus e fácil discernir sua voz. Só temos agilidade e habilidade de saber o que Deus quer, quando temos uma boa relação com o Metre. Desde sempre e em todo o lugar Deus está nos chamando. Nós somos vocacionados a  comunhão com Deus, vocacionados a escutar a Deus, pois viemos Dele e para Ele retornaremos.

1 Samuel 3, 1-10 “ Vocação Profética de Samuel” 

A vocação se dá pela escuta de Deus. Samuel não conhecia a voz de Deus, mas servia ao Senhor.
Se não sabermos distinguir a voz do Senhor, não poderemos voltar-se para Deus. Samuel colocou-se como servo e assim reconheceu a voz do Senhor.

O diálogo com Deus é uma conversa interior. Quando conversamos com Deus, só ouvimos nossa voz, mas a palavra de Deus vai se formando dentro de nós e sentimos que Deus esta falando.

Escutar a Deus é muitas vezes discernir entres duas situações. Escutar a Deus é muitas vezes desistir de nossos planos e acolher a vontade de Deus. Saber até onde estamos falando e a partir de que momento o Senhor está falando conosco.

Quando nos colocamos diante de Deus sentimos a alegria das transformações de nossos desejos.
Escutamos a Deus de inúmeras formas. Pelas manifestações dos carismas, pela inspiração, pela forma de sentirmos e conhecê-lo, através de outras pessoas, dos acontecimentos... Escutar a Deus precisa ser acompanhado pelo discernimento do que Deus quer.
Assumimos os nossos ministérios com mais convicção, quando escutamos a voz do Senhor.

O núcleo de serviço do Grupo de Oração deve constantemente ouvir a Deus, mas que isso, discernir a vontade do Senhor. A reunião de oração não precisa ser da mesma forma sempre, para isso que acontece as reuniões de núcleo, para escutar a vontade de Deus para nossas reuniões de oração.
Fazer a vontade de Deus nem sempre e fazer o mais fácil, na maioria das vezes será fazer o mais difícil.

Como escutar a Deus se estamos inquietos? Como discernir se não estamos escutando a Deus?Precisamos estar atentos para não deixar a graça passar.

Não haverá escuta genuína, sem estar aos pés do Mestre.

Deus está nos chamando a maturidade. Está nos chamando a entrar na tenda e escutar o Senhor.   

Adinezia Pereira Cristo
Grupo de Oração  Beata Helena Guerra
Ouriçangas - Bahia

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga