Congresso Estadual 2019

Slider

Vídeos

Notícias

Ministérios

Artigos

Formação e Espiritualidade

RCC Bahia

RCC Brasil

» » » » » Jesus é o Senhor é tema da 2ª Pregação do 18º Congresso Estadual da RCC Bahia

2ª Pregação: “Jesus é o Senhor”


Vicente Machado 
(Presidente do Conselho Estadual da RCC Goiás)

A pregação tem o poder de transformar a nossa vida, pois, é a PALAVRA de Deus que será pregada.

Precisamos hoje, tomar consciência, proclamamos tanto a Salvação e de fato ela já está consumada, independe de nós, pois Jesus já morreu na cruz para nossa Salvação. Na Sagrada Escritura não encontraremos muitos textos que narram a Salvação através da Morte e Ressureição de Jesus Cristo, mas vamos encontrar centenas de vezes onde declara que Jesus Cristo é o Senhor , porque para Jesus ser o Senhor depende na nossa decisão.

Proclamar o Senhorio de Jesus implica em um comprometimento e em querermos seguir o mesmo caminho que Ele, e aquele que segue o caminho de Jesus, Ele não promete uma vida boa e sim estar conosco todos os dias, promete nos ajudar a carregar a nossa cruz. A teologia da prosperidade não é a teologia da cruz, e às vezes a gente se confunde na caminhada por achar que somos merecedores de alguma coisa além da cruz.

O apóstolo Paulo vai dizer: Se me é possível, pois, alguma consolação em Cristo, algum caridoso estímulo, alguma comunhão no Espírito, alguma ternura e compaixão, completai a minha alegria permanecendo unidos. Tende um mesmo amor, uma só alma e os mesmos pensamentos. (Filipenses 2,1-2), aquele que quer proclamar o Senhorio de Jesus na sua vida a primeira coisa a fazer é fugir da tentação da divisão, o desejo de estar junto deve ser maior do que o desejo de divisão, ir embora, levantar bandeiras, confusão, contendas. Paulo nos aponta um bom caminho para proclamarmos juntos, o Senhor de Jesus a partir da minha experiência pessoal que pode convencer o outro que ao estar junto, juntos podemos proclamar o Senhorio de Jesus e o fruto disso, é o nosso testemunho para que todos creiam.

Quando Jesus reza por seus Discípulos, um pouco antes de ser crucificada a primeira coisa que Ele pede é que permaneçam unidos. Que o Espirito Santo devolva ao seu coração o amor ao seu Grupo de Oração (GO); devolva ao seu coração o amor pelas pessoas do seu Grupo de Oração que com o tempo a relação foi se desgastando e muitos não sentem mais a alegria de estar no GO.

Proclamar o Senhorio de Jesus é esvaziar-se de nós mesmos para assumir a vontade daquele que é o Senhor da nossa vida, eu me esvazio dos prazeres que o mundo pode me proporcionar para assumir muitas vezes a penitência que o Senhor me pede.

A palavra que me vem ao coração quando eu e você proclamamos o Senhorio de Jesus, quando entregamos a nossa casa para Ele, Ele está dizendo sai da frente me deixa entrar, muitas pessoas tem medo de deixar Jesus entrar, muitos tem receio de abrir as portas para Jesus porque quando ele entra é diferente das outras visitas que ficam só na sala, mas sim todas as áreas da sua casa.

Mais do que um Congresso de servos, ministeriados, coordenadores, músicos ou intercessores, para Deus é o congresso dos seus filhos, onde Ele os trouxe com um único propósito, para amar e te lembrar que você é filho, não qualquer qualidade de filho mais sim os filhos mais amados de Deus.


(Transcrição: Redação MCS Bahia)

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga