Slider

Vídeos

Notícias

Ministérios

Artigos

Formação e Espiritualidade

RCC Brasil

Dioceses

Ministério para as Crianças passa a ser chamado Ministério para Crianças e Adolescentes

Nossas crianças cresceram e os Grupos que antes estavam com muitas crianças, agora também acolhem os que vivem essa transição. Sendo possível contemplar em todo o Brasil um crescente número de adolescentes que participam da evangelização em nossos Grupos de Oração.

Devido ao crescimento em todo o Brasil de suas atividades, o Ministério para as Crianças da RCCBRASIL passa, a partir de 2018, a ser chamado Ministério para Crianças e Adolescentes. A mudança já está em vigor.

O trabalho da Renovação Carismática Católica com adolescentes começou como um projeto (AdoleSantos), mas, devido à expansão e necessidade de um atendimento especial para esse público, a alteração no nome do Ministério teve por objetivo fazer com que os evangelizadores preparem ações específicas para cada público e que aqueles que pelo próprio processo de transição não se sentem crianças e ainda não são jovens. Que os adolescentes digam: "esse é o meu lugar, aqui crescerei em santidade, enfrentando os desafios de ser um Adolescente Santo"!

A alteração na nomenclatura foi aprovada pelo Conselho Nacional da RCCBRASIL, durante reunião que aconteceu de 19 a 23 de setembro, em Aparecida (SP). “Nossos adolescentes já não são mais crianças e devem ser tratados como tais (...). Eles vivem uma fase de descobertas e conflitos, precisamos atender cada um na sua necessidade”, comentou a coordenadora nacional do Ministério para Crianças e Adolescentes Anabelly Medeiros Lopes.

"E Jesus crescia em estatura, em sabedoria e graça, diante de Deus e dos homens." (Lc 2, 52)

Fonte: Portal RCCBRASIL

Conselho Nacional define tema do ano 2019

Reunido em Aparecida (SP) desde a última quarta-feira, 19, o Conselho Nacional da Renovação Carismática Católica do Brasil buscou, à luz do Espírito Santo, o discernimento para o tema que direcionará todos os trabalhos do Movimento em 2019.

Em oração intensa, o Conselho Nacional discerniu que o tema para o próximo ano será: “O amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado" (Rm 5,5).

Este tema será trabalhado em conjunto com a moção "Comunhão fraterna", dada em preparação espiritual para o Jubileu de Ouro da RCCBRASIL que acontecerá em 2019. De acordo com a presidente do Conselho Nacional, Katia Roldi Zavaris, "nos 50 anos da RCC no Brasil, o Senhor quer que vivamos o amor verdadeiro". Ainda conforme a presidente, “não tem como viver o amor, sem viver a unidade”.

O assistente eclesiástico da RCCBRASIL, Dom Alberto Taveira Corrêa, lembrou a oração de Jesus presente no Evangelho de São João capítulo 17, onde segundo ele, "Jesus reza por nós, para que sejamos esse amor dentro da Igreja".

Na reunião do Conselho Nacional também foram discernidos os temas que serão trabalhados nos encontros de Carnaval, no Pentecostes e nos Cenáculos com Maria. Confira abaixo:

Tema do Ano
“O amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado” (Rm 5,5b).

Tema do Carnaval
“Deus nos amou primeiro” (1Jo 4,19b). 

Tema de Pentecostes
 “Unidos de coração vivemos um novo Pentecostes” (cf. At 2,1-4).

Tema Cenáculo com Maria
 “Visitados por Maria, visitados pelo Amor” (cf. Lc 1, 39-45).

Em breve, será divulgada a arte do tema do ano e disponibilizada para download. Assim como a versão infantil, para ser trabalhada pelo Ministério para as Crianças.

Fonte: Portal RCCBRASIL

RCC de Paulo Afonso promoveu o XXI Vinde e Vede

A Renovação Carismática Católica (RCC) de Paulo Afonso realizou, nos dias 15 e 16 de setembro, o XXI Vinde e Vede. com pregações, louvores, adoração e missas, o encontro foi marcado pelo forte testemunho do cantor católico Cosme, ex-traficante do Rio de Janeiro e que há 38 anos se converteu à Igreja Católica por meio da RCC. 

A quadra do IFBA mais uma vez parecia pequena para o público que se fez presente. Pessoas dos diversos grupos de oração da Diocese de Paulo Afonso falaram sobre os momentos de adoração e de oração, em que clamaram pedindo o Espírito Santo. Muitos se sentiram alcançados pela graça de Deus e relataram curas: de ressentimentos passados, de traumas, curas físicas. As pessoas chegam necessitadas da benção de Deus e saem revigoradas e sentem suas forças renovadas para seguir caminhando.

Cosme e equipe do show
O evento contou com as pregações de: Ana Paula, da comunidade Arca da Aliança - Missão Paulo Afonso; Ayrane Santos, coordenadora da RCC na Diocese de Paulo Afonso; Pe. Adriano Carvalho, da paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Mas, o grande destaque ficou mesmo por conta do testemunho do cantor católico Cosme, do Rio de Janeiro, que durante o encontro relatou sua experiência antes de conhecer a Deus, se envolvendo no mundo das drogas muito jovem, vindo a se tornar um traficante muito influente. Convertido em 1980, descobriu na música uma forma belíssima de evangelizar. Cosme apresentou no show do sábado (15) seus maiores sucessos, sendo acompanhado pelo ministério de música da RCC de Paulo Afonso.

Passaram pelo encontro os padres Edinaldo Santos, Pe. Roni e Frei José Nemézio, que atenderam as confissões e conduziram os momentos de adoração. O evento foi encerrado com a missa presidida por Dom Guido Zendron, que refletiu junto ao público sobre a leitura de São Marcos, capítulo 8, versículos 34 e 35: "Se alguém me quer seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me siga. Pois, quem quiser salvar a sua vida, vai perdê-la; mas, quem perder a sua vida por causa de mim e do Evangelho, vai salvá-la."

A equipe organizadora agradeceu a colaboração dos grupos de oração, na doação de tortas e de outros alimentos, bem como no apoio e acolhimento durante todo o evento.

Sobre o cantor Cosme

Os eventos com Cosme atrai milhares de fiéis que pulam e dançam os grandes sucessos, como “Marchando para o Senhor”, “Homenzinho Torto”, “Me Faz Novo e Cante”, “Dance”, além de canções que fazem a galera sair do chão, como “Pipoca e “Dança do Esquisito”.

Nascido no Rio de Janeiro, Cosme não se considera um cantor, mas um animador. Segundo ele, seu ministério expressa a alegria de ser uma testemunha viva da misericórdia de Deus, que o resgatou do mundo das drogas nos morros cariocas, onde viveu no seio de uma família pobre e desestruturada e cresceu em meio ao tráfico de drogas. Chegou a comandar três favelas do Rio, entre elas a de Vigário Geral. Aos 20 anos, participou de um encontro na paróquia no ano de 1980 e neste evento converteu-se à causa do Evangelho. Atualmente é funcionário público da Casa Civil, está casado e é pai de dois filhos. 

Viajando por todo o Brasil, com seu testemunho de vida, Cosme tem levado os corações a celebrar, com alegria e amor, a presença do Deus Vivo no meio do seu povo.

Oração com Propósito e Propósito de Oração

“Deixemos de lado tudo o que nos atrapalha e o pecado que se agarra em nós. Corramos com perseverança na corrida, mantendo os olhos fixos em Jesus, autor e consumador da fé. Em troca da alegria que lhe era proposta, ele se submeteu à cruz, desprezando a vergonha, e se assentou à direita do trono de Deus. Para que vocês não se cansem e não percam o ânimo”. (Hb 12, 1-3)


O que seria realmente mais importante do que caminhar e saber para onde se está indo? Porque não basta apenas caminhar! Uma caminhada sem saber onde se quer chegar é correr riscos de desanimar, desistir no caminho, é gastar tempo sem foco. O povo de Deus se perde quando não para e ouve a voz de Deus.

O que de início parece ser igual, não é, existe uma real diferença entre oração com propósito e propósito de oração. A oração com propósito é feita quando existe a real intenção de aonde se quer chegar ao se aproximar de Deus através daquela oração; quando se estabelece um objetivo a alcançar, quando se sabe o intuito de fazê-la; não é o ato de “fazer por fazer”, mas sim, uma ação com foco. Já o propósito de oração é um mecanismo pré-estabelecido a partir do direcionamento dado por Deus, uma forma organizada de se orar com duração e tempo, com meios definidos a partir de uma escuta profética.

O interessante para vida de oração cristã é que o foco do olhar espiritual do cristão é Jesus Cristo, “olhos fixos em Jesus” (Hb 12, 2). A oração com propósito é a auto-revelação da fé daqueles que acreditam, daqueles que crêem e se colocam de ante de um Deus que os esperam sempre na oração (Ez 22,30). O propósito de oração organiza e faz frutificar o crescimento e a maturidade da caminhada cristã.

Mediante os relatos bíblicos podemos constatar que a ordem, a organização do povo de Deus na vida de oração é pré-requisito para a vitória, como por exemplo: as sete voltas durante sete dias para a queda das muralhas de Jericó por Josué e o povo (Js 6, 1-27). Os quarentas dias e quarenta noites de jejum e oração de Jesus no deserto (Mt 4, 1-2), e números exemplos que nos leva a entender como o Senhor age de forma organizada na condução dos seus.

Para que todo propósito de oração seja um bom propósito faz necessário ter convicção, pois, uma alma resoluta, decidida, repleta de decisão é capaz de mover montanhas pela força de sua oração, com resolução se vence as forças do inferno, e se chega mais rápido a alcançar as realizações das promessas de Deus.

Precisa-se de fé, acreditar no que está fazendo. Por exemplo: um animal, uma gansa (ave) que ao chocar seus ovos por instinto deita-se no ninho sobre todos eles, mesmo sem saber se todos irão ser filhotes até o final da reprodução, ela realiza o ato e espera até se cumprir o período de encubação. Imaginemos nós racionais, batizados, que temos o dom da fé e a certeza do que buscamos? Podemos sim, ser firmes e resolutos em nossos propósitos de fé até a conclusão dos mesmos.

Compromisso e ordem são também essenciais, porque temos um Deus organizado que não age em meio a confusões e desordens, e também sabe quem são os filhos e servos fiéis aos compromissos. Um projeto de vida de oração organizado é a certeza de um relacionamento recíproco com Deus.

Já o que se alcança em um bom propósito de oração submetido ao Espírito Santo de Deus, são pontos positivos incontáveis para vida daqueles que o fazem. É certeza que será encontrada uma nova e maior intimidade com o Senhor nosso Deus; adquirirá um testemunho da graça alcançada com a perseverança, aprenderá a orar com disciplina, ordem e dedicação; receberá como dom de Deus a capacidade de ajudar os necessitados; a fortaleza como dom de Deus repousará sobre o coração que se abre a uma condução de um propósito de oração.

Lembrando que todo propósito de oração, assim como também a oração, devem estar submetidos ao Espírito Santo de Deus, e devem iniciar a partir de um direcionamento de Deus; não se deve jamais iniciar como uma proposta qualquer, mas com desejo de mudança de vida e conversão. Todo conhecedor da verdade que é Cristo, caminha de passos firmes com a Santa Igreja e seus ensinamentos.

Chegando até aqui precisamos entender que não é possível se aproximar de Deus sem fé, sem oração e sem propósito de caminhar decididamente com Ele, o grande Eu Sou. Permitamos hoje ser conduzidos pelo Espírito Santo e ao aproximarmos dele busquemos o desejo de ser despertada em nós oração com propósito e propósitos de oração para a salvação de almas, para edificação de nossa casa (coração), para crescimento espiritual e consequentemente a edificação do Reino de Deus. Pensemos, pois, pode nos restar pouco tempo, porém, nada será desperdiçado se conduzidos pelo Espírito de Deus formos em direção do que precisamos alcançar.


Eric Batista Figueiredo
Coordenador Estadual do Ministério de Intercessão
Grupo de Oração O Pai Me Ama
Diocese de Caetité / BA

Vá ao seu Grupo de Oração como se fosse a primeira vez

Eu participo e sou serva de Grupo de Oração há 8 anos. Saio da minha casa todos os sábados, às 19 h 30 min para participar e servir na Reunião de Oração. No dia 25 de agosto de 2018, fui mais uma vez para o meu encontro marcado com o Senhor. Eu não servir, fui somente participar do meu GO DES (Divino Espírito Santo). O Senhor queria naquela noite reacender a chama do seu amor no coração dos seus filhos, tocando no coração de cada um que estava naquele cenáculo, acendendo uma chama viva em nossos corações para que o seu amor não se apagasse. Eu, ali, vivenciando intensamente o derramamento do Espírito, senti sendo atualizados em mim a graça e o desejo por Jesus e de permanecer com a chama do seu Espírito acesa.
A palavra destinada para aquela noite era Timóteo 1, 6-8; o primeiro versículo é uma grande exortação para nós carismáticos, que diz assim: “Por esse motivo, eu te exorto a reavivar a chama do dom de Deus que recebestes pela imposição das minhas mãos”.  É necessário todos os dias permanecer o fogo do Espírito Santo aceso em nós, é necessário uma vida de renúncia, de intimidade com Deus, de muita oração e paciência. O Grupo de Oração é essa fonte do reavivar, a chama do dom de Deus, é lenha que mantém a fogueira acessa, olha que profundo: O SEU GRUPO DE ORAÇÃO É A LENHA QUE MANTÉM A FOGUEIRA DO ESPÍRITO SANTO ACESA.

O que tocava muito o meu coração e me levava a refletir é como estamos vivenciando a Reunião de Oração. Às vezes, por ter muito tempo na caminhada, começamos a viver por meio do automático: ir para o Grupo de Oração, rezar, beber da fonte, testemunhar o novo Pentecostes acontecer e esperar a próxima semana para ver tudo aquilo de novo. Mas, pergunto a vocês: temos testemunhado todas essas graças acontecerem e ficados esbraseados com o poder de Deus no meio de nós? temos vivido intensamente o louvor e o clamor como pessoas que querem viver algo que nunca viveram antes,  mesmo indo ao Grupo de Oração todas as semanas? temos vivido a Reunião de Oração como se fosse a primeira vez?

Eu vivi o Grupo de Oração como se fosse o primeiro da minha vida, recordei o início da minha caminhada: como eu almejava que os sábados chegassem logo, como eu queria sentir o agir de Deus, como eu era sedenta. Não esperem os grandes encontros a fim de criarem expectativas para estar na presença de Deus, crie expectativas todas as semanas para ir e servir no seu Grupo de Oração. Volte ao primeiro amor, todos os dias como se fosse a primeira vez! o teu Grupo de Oração é atualizado todas as semanas, o agir de Deus é novo todas as semanas, o teu desejo pelo Senhor tem que ser novo todos os dias! viva o seu Grupo de Oração como se fosse a primeira vez que estivesse acontecendo, como se você nunca tivesse visto algo tão grandioso e cheio de Deus!  o pó das cinzas deve virar uma enorme labareda do fogo do Espírito Santo.

Bruna Pontes
Ministério de Comunicação Social
Arquidiocese de Vitória da Conquista

RCC Feira promove Congresso Arquidiocesano com noites carismáticas

Entre os dias 06 e 09 de setembro de 2018, todos os coordenadores, servos e participantes dos Grupos de Oração pertencentes a Renovação Carismática Católica da Arquidiocese de Feira de Santana irão se reunir na quadra da praça de convivência ao lado da Câmara de Vereadores no centro na cidade de Coração de Maria para vivenciarem o Congresso Arquidiocesano da RCC. É um evento bienal aberto a todos e promovido pela Renovação Carismática Católica da Arquidiocese de Feira de Santana (RCC Feira) como um momento de celebração entre os grupos de oração, oração e direcionamentos para todos que desejam viver uma experiência profunda com Jesus por meio do Batismo no Espírito Santo.

Em 2018, o evento traz como reflexão o tema e a moção do ano da passagem do Livro do Apocalipse de São João, capítulo 03, versículo 20a: “Eis que estou a porta e bato”. No desejo de escancararmos literalmente a porta do nosso coração para que Jesus entre e faça morada, a RCC Feira promoverá 9 (nove) Noites Carismáticas entre os dias 28 de agosto a 05 de setembro, com temas motivacionais ao arrependimento, de modo a arrumarmos o nosso coração, retirando tudo que a sujeira do pecado tenha deixado nele: ódio, raiva, inveja, buscando assim, diariamente, uma conversão sincera, porque o Senhor todos os dias vem bater à porta do nosso esperando que finalmente, abramos.

Este ano, o Congresso contará com a presença do pregador Moisés Rocha da Comunidade Filhos de João Batista, de Sete Lagoas – MG; Onazir Conceição, da Arquidiocese de Cascavel e Leandro Rabelo, Coordenador da Escola Nacional de Formação da RCC Brasil e o Cônego Dimas, Capelão da Polícia Militar do Estado da Bahia. Estão confirmadas também as presenças do Pe. Evangevaldo Almeida, diretor espiritual da Renovação Carismática Católica na Arquidiocese de Feira de Santana e Dom Zanoni Castro, Arcebispo da Arquidiocese de Feira de Santana, Pe. Luciano Santos, pároco da Paróquia Sagrado Coração de Maria, bem como o presidente estadual da Renovação Carismática Católica do Estado da Bahia, Frederico Mastroangelo.

Segundo Alexnei Freitas, Presidente da RCC Feira de Santana, calcula-se que o público estimado para esse ano seja de aproximadamente 1000 pessoas em média por dia e que assim como muitos que já participaram dos congressos anteriores, possam ter um encontro verdadeiro com Jesus e terem suas vidas transformadas. 

As inscrições estão sendo feitas de forma antecipada nos grupos de oração. Haverá também espaço de evangelização e animação para crianças por meio do Congressinho de Oração para Crianças de 04 a 10 anos e também um espaço para Oração por Cura e Libertação. Muitas caravanas de outras cidades circunvizinhas também são esperadas para esse grande evento de animação e oração, sendo organizado também um alojamento para acolher todos os congressistas que optarão por permanecer na cidade durante os dias do Congresso. Os interessados devem entrar em contato pelo telefone: (75) 98298.8661 até o dia 28 de agosto, devem trazer roupa de cama, material de higiene pessoal e colchonete. Não será fornecida alimentação.

Sobre o Congresso

O Congresso é constituído por momentos próprios de todo encontro católico: há muita animação, oração, pregação, adoração ao Santíssimo Sacramento, missas e apresentações com os Ministérios de Música e Artes dos Grupos de Oração, realizando uma 2ª edição do Tributo a Jesus.

Agenda

O que? Congresso Arquidiocesano da RCC
Onde: Quadra da Praça de Convivência ao lado da Câmara de Vereadores, Centro 
           Coração de Maria - BA 
Quando: 06 a 09 de setembro de 2018
Inscrições: R$ 20,00
Atrações especiais: Moisés Rocha, Onazir, Leandro Rabelo e Cônego Dimas
Congressinho para Crianças
Oração por Cura e Libertação



Abertas Inscrições para o V Congresso Diocesano da RCC Bom Jesus da Lapa

Nos dias 28, 29 e 30 de setembro, no Ginásio José Caetano de Andrade, a cidade de Bom Jesus da Lapa receberá os irmãos de toda a Diocese para o V Congresso Diocesano da Renovação Carismática Católica. O evento abordará o tema do ano para a Renovação Carismática Católica em todo o Brasil, a passagem de Apocalipse que diz: "eis que estou à porta e bato" (Ap 3, 20a).

Além da presença dos representantes de todos os Grupos de Oração da região, o Congresso contará com a presença da Ir. Ana Paula CMES (Carmelitas Mensageiras do Espírito Santo); da Coordenadora Nacional do Ministério de Oração Por Cura e Libertação, Marizete Nunes Nascimento; do Presidente do Conselho Estadual da RCC na Bahia, Frederico Mastroangelo; da Presidente do Conselho Diocesano da RCC Bom Jesus da Lapa, Cátia Maria de Jesus. Estarão presentes também o Bispo Diocesano, Dom João Santos Cardoso, o Assessor Eclesiástico, Pe. Vanderlei e demais Padres Diocesanos.

O Congresso Diocesano é um momento importante para a reflexão sobre a nossa caminhada como movimento eclesial, também um momento forte de partilha e confraternização entre os irmãos membros dos diversos Grupos de Oração que compõem a Corrente de Graça - RCC na Diocese, momento de rever ou conhecer os irmãos que vivenciam a mesma experiência da renovação dos carismas no seio da Igreja Católica.

A inscrição do Congresso custa R$ 20,00 sem alimentação e R$ 50,00 com alimentação e deve ser realizada junto ao coordenador do seu Grupo de Oração até o dia 7 de setembro, com depósito do valor até o dia 14 de setembro.

Serão vendidas pulseiras para a entrada do Show (Noite Carismática) com a Ir Ana Paula,  CMES, no valor de R$ 15,00. O show será no sábado 29/09, às 20h30min no mesmo local do evento.

Serão indicados também hotéis e pousadas da cidade para aqueles que não optarem pelo alojamento organizado pela RCC local, contudo, a RCC não se responsabiliza pelas reservas, valores ou demais eventualidades contratuais entre os inscritos e os estabelecimentos.